TURISMO LGBTQIA+NO RIO DE JANEIRO

6 CIDADES PARA CURTIR O INVERNO NO ESTADO DO RJ
23 de junho de 2022
VALE DO CAFÉ CONVENTION & VISITORS BUREAU PLANEJA FESTIVAL VALORIZANDO CERVEJA, GASTRONOMIA E PRODUTOS REGIONAIS
1 de julho de 2022
Compartilhe

Vitor Mattos – Redação

O dia 28 de junho marca a comemoração do Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, uma data pautada na luta pela conquista de direitos, respeito e maior qualidade de vida, para um público que tanto sofre em razão do preconceito. Quando pensamos no ponto de vista do turismo, são necessárias políticas para estimular espaços e atrativos que acolham e incluam, mas que também possam ser espaços de ocupação LGBTQIA+, com o foco da integração social e troca de conhecimentos entre todo o tipo de gente. 

O Rio de Janeiro é um destinos que mais atende a este público. Além dos pontos turísticos tradicionais, há restaurantes e bares exclusivos para gays e lésbicas. Em determinadas praias como Ipanema, também é grande a movimentação de pessoas que defendem diferentes orientações sexuais. A tranquilidade para andar nesses ambientes, sem se esbarrar com o preconceito cotidiano, é o que mais acaba despertando a atenção de turistas de todo o mundo, que vem em busca dessa Região. O Estado também é usado como cenário para várias cerimônias de casamento, sendo uma referência nesse sentido. 

No Interior podemos destacar Búzios, que foi uma das últimas cidades da Região a ter uma Parada do Orgulho LGBT, mas hoje é uma das primeiras a avançar no alcance deste nicho turístico. A cidade  é conhecida às vezes como a “Saint-Tropez brasileira” por sua combinação de natureza exuberante, boa gastronomia e hotéis de alto padrão. A praia brava é um dos grandes pontos de encontro da galera e a naturista Olho de Boi, chama a atenção dos curiosos. Há ainda festas, bares e restaurantes em que é possível se sentir a vontade, sem olhares tendenciosos. 

Mais uma sugestão que não pode ficar de fora é Itaipava. O distrito de Petrópolis, localizado na região serrana, tem tudo o que se precisa para curtir, namorar e comer bem. O destino é obrigatório para quem ama montanhas e busca locais livres de preconceito. Cercada por uma paisagem fenomenal, dispõe de várias opções de pousadas e hotéis, inclusive 5 estrelas. Entre os passeios mais conhecidos, estão a Trilha da Pedra do Boné, que fica a 1552 metros de altitude, ou a trilha do Castelinho, ambas de fácil acesso. A região é ainda destino perfeito para casais que apreciam um tour gastronômico.

Ainda sabemos que são necessários estímulos para que o turismo LGBTQIA+ possa se consolidar ainda mais no RJ, trazendo mais segurança para uma população que tanto sofre sendo vítima de espaços que não respeita seus corpos e verdades. Por isso é preciso mais empatia, mais dedicação e cuidado a quem tanto precisa de carinho e acolhimento, no dia a dia.

Os comentários estão encerrados.

Translate